Jogos

Published on outubro 6th, 2015 | by Makson Lima

0

System Shock Enhanced Edition

Difícil encontrar alguém que nunca tenha ouvido falar de BioShock, certo? A popular série de terror/aventura em primeira pessoa encabeçada pelo lendário game designer Ken Levine impressionou um sem fim de pessoas na geração passada. Sendo você fã de Rapture, Columbia e das bizarrices distópicas presentes na explosiva série, é bom também saber de onde vem tanta genialidade. E o ponto de partida é System Shock.

2940975-2015-09-15_00040
A melhor forma de curtir a aventura original (e de 21 anos atrás, veja você!) é através da Enhanced Edition recentemente lançada via GOG. A Night Dive Studios é a responsável pelo grande feito, tornando (um pouco mais) acessível o complexo sistema de navegação e controles de System Shock. E também é digno de nota saber que a Night Dive tem trabalhado em modernizações dos clássicos da Acclaim, Turok e Turok 2! Nas palavras do CEO da empresa, Stephen Kick: “A Night Dive acredita que videogames clássicos nunca devem ser esquecidos ou abandonados”.

2940976-2015-09-15_00043

Algumas das caracterísitcas renovadas desta edição melhorada incluem widescreen em 854×480 e a possibilidade de mouselook. Há também suporte para resolução 1024×768. Todo sistema de invetário também foi melhorado, tornando a coisa toda mais intuitiva da perspectiva de manuseios e gerenciamento de itens. Digno de menção também é a correção de uma série de bugs presentes no lançamento original.

2940972-2015-09-15_00002
O clássico noventista foi pioneiro em misturar elementos de RPG, estratégia e FPS num setting cyberpunk. No papel de um hacker, é dever do jogador acabar com os planos da inteligência artificial nefasta SHODAN. O primeiro System Shock é considerado berço criativo tanto para a série BioShock, quanto para Deus Ex. A continuação também é altamente aclamada, e uma relançamento já aconteceu no Steam há um tempinho.

Tags: , , , , ,


About the Author

Além de detestar falar de si mesmo na terceira pessoa, tem certa obsessão pelo fundo do poço cinematográfico. Séries como Silent Hill, Resident Evil, Shin Megami Tensei e Final Fantasy trazem razão para sua existência e acha absurda a internet do “amo/odeio”. Recluso, introspectivo, com um pé na sociopatia e com saúde debilitada, não acredita no ser humano como espécie cosmopolita.



Back to Top ↑
  • Categorias


  • PODCAST DESTAQUE

  • Curta a TdG